MG

Cantor sertanejo é suspeito de estuprar jovem de 19 anos após show em MG

O cantor Kleber Sena, da dupla sertaneja mineira Kleber e Gustavo, é suspeito de estuprar uma jovem de 19 anos.

12/07/2019 13h29
Por: Expresso Notícia
Fonte: BHAZ
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

O cantor Kleber Sena, da dupla sertaneja mineira Kleber e Gustavo, é suspeito de estuprar uma jovem de 19 anos, nas proximidades de uma casa noturna de Contagem, na região metropolitana da capital. O crime teria ocorrido no último domingo (7), nos arredores do bar ‘Silvinho’s 3’, após um show da dupla no local. A produção da dupla nega as acusações e a Polícia Civil investiga o caso.

A jovem relatou à polícia que acompanhava um show da dupla em uma casa noturna na região da Pampulha. Após o evento, ela e uma amiga, de 24 anos, teriam sido convidadas por Kleber para acompanhá-lo em um segundo show, em Contagem. As duas aceitaram o convite.

Já no bar ‘Silvinho’s 3’, após o show da dupla, Kleber começou a conversar com a jovem e a convenceu que ela o acompanhasse até o seu carro. Ele a convidou para entrar no veículo e, após muita insistência, a jovem entrou no carro.

Dentro do veículo, o cantor travou as portas do carro. Neste momento a vítima pediu para ir embora e afirmou que não gostaria de manter relações sexuais com o cantor e que, inclusive, estaria menstruada, sempre conforme relato à polícia.

Mesmo diante das negativas, Kleber tirou a roupa da jovem com uso de sua força e cometeu o estupro. No fim, ele permitiu que a vítima saísse do carro e disse a ela que “não era abuso”.

Ao sair do veículo, a vítima procurou por sua amiga no bar e contou o ocorrido. A amiga então questionou o cantor, que voltou a repetir que não tinha sido um abuso. As mulheres procuraram pela segurança da casa, mas, segundo a ocorrência, os agentes não agiram.

Diante disso, o outro cantor da dupla, Gustavo Fagundes, disse que chamaria um carro de aplicativo para que as jovens fossem embora para casa. Elas se recusaram e se deslocaram à residência por conta própria.

A ocorrência do caso foi registrada na Delegacia de Plantão de Atendimento à Mulher de Contagem, na segunda-feira (8). Segundo a Polícia Civil, o caso está sendo investigado.

O BHAZ entrou em contato, na terça, com a produção da dupla sertaneja. Via telefone, o empresário da banda disse que “desconhece as acusações” e que tomarão medidas judiciais no caso. Nesta quarta (10), o cantor Kleber Sena excluiu suas páginas nas redes socais.

A reportagem também tentou contato com o bar ‘Silvinho’s 3’ para questionar a ação da segurança. Os funcionários da empresa alegaram que somente o proprietário do bar, Silvio Ferreira da Silva, falaria sobre o assunto. Contudo, ele está no interior do Estado, incomunicável. Caso a empresa se manifeste sobre o caso, a matéria será atualizada.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.