Patos de Minas

Pais pedem ajuda para tratar garotinho que está sem evacuar e com a barriga crescendo, em Patos de Minas

Eles estão tentando uma vaga no Hospital Regional, mas ainda não há previsão.

03/07/2019 22h18
Por: Expresso Notícia
Fonte: Patos Hoje
A barriga de Ailan está bastante inchada e eles não sabem mais o que fazer.
A barriga de Ailan está bastante inchada e eles não sabem mais o que fazer.

Os pais de um garotinho de apenas 3 anos estão lutando para salvar o filho em Patos de Minas. Maxuelber dos Santos Cunha e Monique Silva Ferreira levaram a criança até a UPA nesta quarta-feira (03) para tentar um tratamento, mas nada foi resolvido. Eles estão tentando uma vaga no Hospital Regional, mas ainda não há previsão. Ailan Silva Costa está sem fazer as necessidades e também não tem apetite para comer.

De acordo com os pais, o filho passou dois dias sem comer e só vomitando. Maxuelber contou que foi à UPA várias vezes, fizeram lavagem no estômago do filho, e chegou a procurar um tratamento particular, mas como seria muito caro, teve que retornar para a UPA, onde não está tendo o tratamento ideal. “Eles arrumaram o soro nele, já tomou vários remédios e também foi ao posto várias vezes, mas nada. Ele está bem fraquinho”, disse.

Maxuelber disse que apenas ele trabalha e não tem condições de pagar um tratamento particular. Ailan foi internado na UPA por volta das 13h00 desta quarta e a informação é de que ele teria que ser transferido para o Hospital Regional. Ele espera que surja esta vaga para salvar o filho. A barriga de Ailan está bastante inchada e eles não sabem mais o que fazer. “Eu estou aqui em casa agoniado sem poder fazer nada”, falou o pai com indignação.

Quem puder oferecer alguma orientação ou alguma autoridade que puder ajudar Maxuelber e Monique a cuidar da saúde da criança pode entrar em contato com eles através do (34) 9 9694 4302 (Maxuelber) ou (98) 9 9110 5438 (Monique).

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.