Expresso FM
Patos de Minas

Garotinho de 5 anos morre ao ser atropelado quando voltava de escola em Patos de Minas

Profissionais trabalharam por vários minutos para tentar reanimá-lo, mas ele não resistiu e veio a óbito.

28/06/2019 00h23Atualizado há 2 semanas
Por: Expresso Notícia
Fonte: Patos Hoje
Profissionais trabalharam por vários minutos para tentar reanimá-lo, mas ele não resistiu e veio a óbito.
Profissionais trabalharam por vários minutos para tentar reanimá-lo, mas ele não resistiu e veio a óbito.

Mais um trágico atropelamento aconteceu em Patos de Minas. Um garotinho de 5 anos foi atingido por um veículo ao tentar atravessar avenida nesta quinta-feira (27).Ele voltava da escola quando houve o acidente. Profissionais trabalharam por vários minutos para tentar reanimá-lo, mas ele não resistiu e veio a óbito.

O acidente aconteceu na Avenida Ari Pessoa Franco, Bairro Ipanema. De acordo com o Sargento Pereira, a condutora da pick up, Alessandra Camargos de Souza Gonçalves, 46 anos, seguia em sentido ao Bairro Jardim Paulistano quando acabou atingindo o garotinho, Miguel Teixeira Melo, de 5 anos. Sem conseguir evitar o acidente, o menino chegou a ser arrastado.

Profissionais do SAMU foram de imediato para o local em duas equipes tentaram por vários minutos fazer a reanimação de Miguel. Enquanto isso, familiares, amigos e vizinhos formaram uma corrente de oração no local, mas não teve jeito. Miguel sofreu ferimentos graves e acabou não resistindo.  Ele foi levado para o IML para ser constatada a causa da morte.

De acordo com o PM, o garotinho voltava da escola com a avó e o irmão quando, atrás de um caminhão que estava estacionado na avenida e encobria parte da visão da motorista, decidiu atravessar a pista. Uma enorme poça de sangue ficou no local. A perícia técnica da Polícia Civil compareceu à avenida para verificar como tudo aconteceu.

O veículo praticamente não teve danos. A PM informou que a motorista é habilitada, o carro está devidamente licenciado e permaneceu no local do acidente. Como não foi verificado nenhuma ilegalidade, ela foi liberada. A ocorrência foi registrada para as demais providências.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.